Itacoatiara é homenageada com nome em uma nova espécie de ácaro plantícola.

8 jan
image_pdfimage_print

Uma nova espécie de ácaro foi denominada Amblydromalus itacoatiarensis em homenagem ao município de Itacoatiara-AM. Esta espécie foi encontrada pelos pesquisadores Peterson R. Demite (ex-professor visitante do ICET/UFAM e credenciado no PPG Ciência e Tecnologia para Recursos Amazônicos) e Ana Cristina C. Cavalcante (ex-professora substituta do ICET/UFAM). O ácaro foi encontrado sobre plantas nativas na área de mata do Campus II do ICET, localizado às margens da rodovia AM010, e sobre plantas de cupuaçu, em um cultivo na zona rural. Apesar dos ácaros de plantas serem poucos conhecidos, estes organismos são muito importantes para a natureza, sendo prestadores de serviços ecossistêmicos. Esta espécie pertence à família Phytoseiidae, um importante grupo de ácaros predadores, sendo algumas espécies utilizadas em programas de controle biológico de pragas. Sendo assim, no futuro, novos estudos podem ser realizados para verificar o potencial deste ácaro recém-descoberto, como agente de controle biológico. Esta espécie também parece, apesar de descoberta somente agora, ser bem comum na Amazônia, sendo registrada em coletas recentes em outros municípios, como Manaus, Silves, Itapiranga e São Sebastião do Uatumã.

O trabalho foi publicado em colaboração com o pesquisador Antonio C. Lofego (UNESP- São José do Rio Preto) na renomada revista britânica Systematic and Applied of Acarology, na edição de dezembro de 2019.

Demite PR, Cavalcante ACC, Lofego AC. 2019. A new species of Amblydromalus Chant & McMurtry (Acari: Mesostigmata: Phytoseiidae) from Brazil, with a key to Brazilian species of the genus. Systematic and Applied Acarology, 24 (12): 1533-1540.

Disponível em: <https://www.biotaxa.org/saa/article/view/saa.24.12.13>

Esta é a primeira de algumas espécies descobertas com os estudos desenvolvidos pelos dois pesquisadores quando estiveram no ICET. Em breve, trabalhos serão submetidos para publicação com a participação de alunos de graduação (Michele P. Duque e Suziane A. Amorim) e de pós-graduação (Raimundo B. Souza e Priscila C. Dahmer) do ICET.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *